Você está em: Home » Entrevista » Todd Burpo conta como foi a visita de seu filho ao céu

O livro “O Céu é de Verdade”, de Todd Burpo, foi um sucesso imediato. Best-seller do New York Times, foi traduzido para diversas línguas e ultrapassou a marca de oito milhões de cópias vendidas. A obra foi adaptada e ganhou uma versão cinematográfica que seguiu o mesmo sucesso do livro. Na primeira semana, o longa conseguiu arrecadar mais de 21 milhões de dólares nos cinemas, sucesso que se repetiu nas semanas seguintes, ficando nas listas dos filmes mais vistos.

No livro, o autor relata as experiências de seu filho Colton de 4 anos. O garoto esteve um tempo no céu e, quando voltou, relatou aos pais detalhes do que viu. Recentemente, Todd Burpo concedeu uma entrevista à jornalista Kritie Christie, do Huffington Post, para falar sobre o assunto. Confira:

Kristie Christie: Podemos considerar que o filme é fiel a narração do livro? Houve acréscimo de situações que não são reais ou podemos confiar que trata-se da história real?

Todd Burpo: Hollywood precisou fazer algumas mudanças apenas devido à duração e estilo do filme, mas a história é realmente muito fiel ao livro. Hollywood sabia que havia um bom número de fãs do livro, por ser um best-seller do New York Times, e que não teriam êxito em distorcer a narrativa do livro. O que o público vai assistir é algo muito próximo da experiência que tive quando meu filho começou a me contar essas histórias. A boa notícia é que, se gostarem do filme, haverá detalhes ainda mais profundos para se encontrar no livro!

Minha esposa e eu temos dificuldades em assistir ao filme, por se tratar de um dos períodos mais dolorosos para nós. Em várias ocasiões, minha esposa precisou sair do anfiteatro justamente por ser extremamente opressivo assistir a esses momentos novamente. Ela costuma dizer que é um filme para se assistir sem maquiagem. Eu só consegui assisti-lo sem chorar depois de ver sete vezes. Para nós, é um filme árduo. O que nos anima é saber que alguns dos mais severos críticos de cinema ateus têm encorajado outros ateus a verem o filme, porque ele vai fazer você pensar. O que eu quero é que as pessoas repensem e se abram para a verdade de que o Céu é um lugar real.

Kristie Christie: Eu sei que há detalhes importantes que fizeram com que você acreditasse na história de seu filho Colton, mas há críticos que sugerem que ao longo dos anos, Colton poderia ter desfrutado da atenção que ele recebeu e poderia então, ter não intencionalmente misturado fatos com ficção ou fantasia, continuando a criar uma história. Uma boa história. Qual é a sua resposta aos críticos?

Todd Burpo: Os críticos não leram o livro. Se eles são honestos, eles sabem que a sua crítica não tem fundamento porque não leram o livro e não viram a forma que nós, como uma família normal, passamos por tudo isso. A verdade é que as pessoas não entendem a vida da cidade pequena. Temos 2.000 testemunhas de todos esses detalhes de nossas vidas, nós simplesmente não poderíamos ter inventado tudo isso. Este não é um filme cristão com uma história fictícia onde tudo acaba bem e a vida é muito fácil. Esta é nossa vida real. Quero que as pessoas saibam disso e que tenham esperança. Estamos preparados para as críticas mas eu diria aos críticos para, antes de fazerem um julgamento, assistirem ao filme para entenderem nossa história. Colton sabia coisas que nenhum garoto de 4 anos poderia ter conhecido, coisas que nenhum professor de Escola Dominical teria lhe ensinado. Se ler o livro, vai perceber. Gostaria de convidar a todos para assistirem ao filme e lerem o livro, antes de dizer qualquer coisa.

Kristie Christie: Como você viveu esta viagem única? Como é o céu? Eu acho que a maioria das pessoas estão curiosas sobre o que acontece depois que morremos. O que ocorre, de acordo com Colton?

Todd Burpo: Bem, há muito mais detalhes no livro, mas Colton testemunhou que o céu está cheio do amor de Deus. Você apenas sente. Você não precisa falar dele. Nós também temos corpos, mas que parecem jovens e não são iguais aos corpos cansados com que acabamos nossa vida aqui. Ele também viu a face de Jesus, você verá isso no filme. Ele entendeu a trindade de uma forma que é normalmente difícil para nós entendermos. Colton disse que há animais no céu, que ele brincou com leões e gostou muito do cavalo de Jesus, que tinha o pelo como um arco-íris. Estar no céu é como estar em casa. É como voltar de uma longa viagem e chegar ao lugar que você realmente pertence.

Para adquirir o Livro ou o DVD do Filme “O Céu é de Verdade” no atacado, clique aqui e fale conosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


Deixe seu Comentário

© 2017 APD News – O canal de informação da Aliança. Todos os direitos reservados.