Você está em: Home » BDs (Blu-rays), Música » Nívea Soares Acústico em Blu-ray

Não podia ser melhor! Agora em Blu-ray (BD), a Aliança apresenta os sucessos de Nívea Soares gravados ao vivo no Citibank Hall (SP) em versão acústica e as participações de David Quinlan, Ana Paula Valadão, Fernanda Brum e Adhemar de Campos.

Você irá assistir a um dos grandes momentos da música cristã em Alta Definição, utilizando recursos interativos com muito mais conforto e comodidade. Em Nívea Soares Acústico a programação inclui Jukebox, que permite montar uma sequência personalizada das faixas de acordo com sua preferência. Outra novidade é a função Marcadores, para definir seus trechos prediletos e reiniciar a reprodução a partir de qualquer ponto do vídeo. Através da opção Menu Pop-up, a qualquer momento o espectador pode navegar pelo conteúdo, sem interromper a reprodução.

O BD também oferece a opção 5.1 DTS HD, a mais alta qualidade de som disponível para você aproveitar ao máximo toda a riqueza do conteúdo. O sistema é capaz de gerar um detalhamento sonoro sem precedentes, dando um salto de nitidez sensível diante dos tradicionais Dolby Digital e DTS.

Dona de uma voz e carisma peculiares, a cantora faz uma releitura das canções que marcaram seu ministério como Ele Vem, Aumenta o Fogo, Eu Nasci Pra Te Adorar, Centro da Tua Vontade, Vinde a Mim, Me Esvaziar, Correrei Para a Tua Cruz, Tempo de Adorar, Reina Sobre Mim e Rio, além de interpretar as inéditas Sobre as Águas, Tua Glória a Brilhar (Facedown) e o clássico Mais Perto Quero Estar.

O Blu-ray Nívea Soares Acústico traz aproximadamente 50 minutos de Extras, incluindo Videoclipe Sobre as Águas (em HD), Bonus Track, Ministração, Depoimentos, Making Of, Galeria de Fotos e Easter Egg.

Música, adoração, ministração, quebrantamento e emoção. Prepare-se para uma nova experiência. Mais que um Blu-ray. Nívea Soares Acústico! Disponível também em CD, Playback e DVD.

Conheça o BD

O nome é Blu-ray porque a cor do raio laser que faz a leitura dos discos é azul (blue, em inglês). Desenvolvido pela Sony e a BDA – Blu-ray Disc Association, o registro do nome ‘blu’, sem a letra ‘e’, foi uma jogada de marketing para driblar a proibição de registros comerciais de nomes comuns, que ocorre em alguns países.

O BD tem aparência semelhante à de um DVD, mas sua capacidade de armazenamento é muito maior – no mínimo 25 gigabytes de informação, que lhe permite armazenar até 4,5 horas de áudio e vídeo em Alta Definição. Seriam necessários cinco DVDs para guardar a mesma quantidade de dados.

Na prática, com mais espaço, o áudio e vídeo têm um nível de compressão menor, o que aumenta a qualidade da reprodução. E este é um de seus principais pontos fortes. A resolução é seis vezes maior. Enquanto no DVD ela é de 720 x 480 pixels, no BD é de 1920 x 1080. A diferença pode ser percebida em uma TV Full HD, ou seja, de Alta Definição máxima. Mais um detalhe. Com a resolução ampliada, os impactos se dão também na legibilidade de todos os textos, inclusive nas legendas.

Além disso, o player de Blu-ray tem um processador que melhora um pouco a imagem de qualquer DVD – ou seja, não é preciso se desfazer de seus discos antigos.

E eis aqui uma excelente notícia: os preços dos aparelhos de Blu-ray estão começando a desabar, o que significa que se tornam cada vez mais acessíveis à maioria da população. Já é possível encontrar aparelhos sendo vendidos a menos de R$ 400. Para se ter uma ideia, em 2006, quando começaram a chegar ao mercado brasileiro, os tocadores de Blu-ray custavam cerca de R$ 5.000. Além disso, o BD pode ser reproduzido também no Playstation 3. Com todas essas condições, não há dúvidas de que em pouco tempo, irá ganhar o mercado brasileiro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


Deixe seu Comentário

© 2017 APD News – O canal de informação da Aliança. Todos os direitos reservados.